sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Taça Zon Açores - Uma Retrospectiva


Havia rumores de que se ia fazer um livro com as fotos das 5 provas de XC de 2009.

Como não há fumo sem fogo, confirma-se!

A partir de hoje já está disponível a edição 2009 com a compilação de algumas centenas de imagens.

Esta edição passa para o papel o trabalho desenvolvido ao longo desta época de XC, representando muitas horas perdidas e muita pestana queimada, prova após prova.

Espero que gostem.


Dados:

Dimensões: 18x18 cm

Páginas: 174

Edição: Tiago Martins

Valor Estimado: 58,50 €




Pode ver uma amostra aqui.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

E tu porque resistes?

137 caramelos decidiram resitir. Entenda-se por resistir a 4 horas em cima do selim de uma bicicleta.

Sem dúvida um Domingo bem passado, numa prova que associa na perfeição a vertente lúdica e competitiva do BTT.



Para a próxima esperam-se mais ainda.

E o slogan podia ser: "E tu porque resistes (a não participar)?"

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

A sorte de Queiróz

Quando uma equipa é vice campeã europeia em 2004 e 4ª classificada no Mundial de 2006, não pode, digo eu, desaprender de jogar futebol.

Não pode, digo eu, ficar satisfeita com o facto de ter atingido os playoffs.

Não pode nem deve assobiar para o lado como se nada se passasse. Bem sei que depois de tudo o que se passou nesta fase de qualificação, é uma benção dos Deuses o facto de sequer termos ido a playoffs.

E mesmo assim nada é garantido. Se por um lado a Ucrânia deu uma ajudinha e pôs Portugal como cabeça de série pode também ser o Carrasco dos tugas.

Ucrânia, Rep da Irlanda, Eslovénia ou Bosnia Herz. são os clientes possíveis. Eu fugia dos 2 primeiros mas uma vez que a Selecção está com sorte não há nada a temer.

Ou não...

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Gandhi e a campanha eleitoral

Gandhi faz hoje anos. O simbólico líder hindu faria hoje (se fosse vivo!) 140 anos.

"A Grande Alma" como era chamado não tem grande paralelo na nossa sociedade de hoje em dia. Já não há espaço para lamechices como as que Gandhi defendia. Já são raros os valores defendidos por uma sociedade que cada vez mais se preocupa consigo e menos com o que lhe rodeia.

Estamos em tempo de autárquicas. Um autarca deve-se preocupar com os outros! Deve ser equilibrado e não ser partidário. Deve ter um pouco de Gandhi dentro de si e fazer do altruísmo a sua forma de estar na vida.

Pelo menos em teoria seria assim.

Na prática? Não se encontrava em Portugal quem preenchesse esses requisitos...